.

.

.

quinta-feira, 11 de julho de 2013

Adolescente é executado a tiros durante festa de escola municipal em Açailândia

Na noite desta quinta feira (11) um adolescente identificado como, Elson Sousa, vulgo: Barrão, foi assassinado na Vila Ildemar. Segundo informações repassadas por testemunhas que estavam no local, quatro disparos foram efetuados, dois deles atingiram a cabeça do garoto de 16 anos.

TudoElson Sousa aconteceu durante a realização do Arraiá Junino que está sendo promovido pela escola municipal, Aulidia Gonçalves, localizada na Vila Ildemar. O evento que teve inicio na quinta deve ser realizado também nesta sexta feira. No momento em que o jovem foi visto caído no chão logo deu inicio a uma grande correria. Muitos porém optaram por ficar observando o corpo.

Informações repassados ao Blog dão conta de que, Elson Sousa, pode ter sido morto por vingança. Ainda segundo informantes, o jovem fazia parte de uma gangue, auto-intitulada, P.C.C, - os mulekes. O grupo formado em sua maioria por menores se concentra na Praça do Patizal e constantemente são vistos em brigas com outros grupos.

Uma informação obtida com exclusividade por este Blog, dar conta de que esta não foi a primeira vez que tentaram matar, Elson Sousa. O jovem já havia sofrido tentativa de homicídio, porém havia escapado. O motivo da morte do garoto seria a morte de um outro rapaz que teria sido executado pela gangue que segundo informações, Elson fazia parte.

Antes de morrer em seu perfil no Facebook, Elson, chegou a divulgar que estava articulando a sua vingança em uma clara alusão de que quem tentou lhe matar na primeira vez provavelmente seria morto. No perfil da vitima minutos após o ocorrido um usuário fez o seguinte comentário: " Si foi fudido escapol do primeiro mais dessa não escapol pau no cú... O mundo da voutas vcs matarão um da qui mais ai uq qui deu tu morreu otario...kkkkkkkk"  disse o comentarista.

De acordo com fontes, quando o usuário diz: "vcs matarão um da qui" ele estaria se referindo ao rapaz, Samuel Santos, morto no primeiro dia do Açaí Folia 2013 atrás do trio elétrico. Reveja aqui.

No momento em que o jovem foi assassinado, representantes da Policia Militar, Major Eurico Alves, sociedade civil organizada e representantes do Centro de Defesa da Vida e dos Direitos Humanos estavam em reunião na Associação Comercial Industrial de Açailândia (ACIA) tratando sobre melhorias na segurança pública da cidade.

Fonte: Blog Maicon Sousa

1 comentários :

  1. A festa da escola não tem nada com isso,ele é que estava lá colocando as outras pessoas em risco ,já que ele estava sendo "caçado".Lamento pq por trás sempre tem uma mãe que sofre.

    ResponderExcluir