.

.

Curta o rei no Facebook

.

sábado, 24 de agosto de 2013

DEPOIS DA GREVE DE ADVERTÊNCIA – GREVE POR TEMPO INDETERMINADO EM SÃO FRANCISCO DO BREJÃO

Os professores municipais de São Francisco do Brejão que estavam em greve de advertência por 48 horas nesta segunda e terça-feira, em Assembleia na tarde de terça, dia 20 de agosto, decidiram pela greve por tempo indeterminado a partir desta segunda-feira, dia 26 de agosto. greve

Segundo o presidente do sindicato, professor Edson: “Iremos protocolar em todos os órgãos da administração municipal e nas instâncias jurídicas o comunicado da greve para que não corramos o risco de ter decretada a ilegalidade do nosso movimento, por isso agimos com cautela e dentro das prerrogativas da lei de greve. É importante que a comunidade saiba que o Prefeito não cumpriu a Lei do Piso que além de ser nacional, também passou por uma regularização municipal em que o mesmo assinou há cerca de dois meses e simplesmente ignora o que assinou, somado a isto temos garantias dos motoristas e garis também assinadas em acordo com a prefeitura e que o mesmo se nega a cumprir e ainda não senta com a classe pra discutir a questão, e aí não há outro caminho se não o da paralisação. Vamos aguardar para ver até que o ponto o município se sensibiliza pra resolver este impasse que tanto prejudica a classe e a sociedade”.

Segundo o Sindicato está aguardando a qualquer momento o prefeito comunicar uma reunião, caso contrário, a greve será inevitável porque o mínimo que o prefeito poderá fazer é cumprir o que de fato é lei porque ele mesmo sancionou.

7 comentários :

  1. esse prefeito até onde sei, nao tá nem ai pra sindica, eu acho q vai acontecer a greve ...

    ResponderExcluir
  2. Esta ceto o Sindicato do PROFESSORES. Ate porque, mesmo no ano passado quae a gestão não pagava nem os salários e muito menos dava condiçao das crianças estudar. O SINDICATO DOS PROFESSORES nunca se procupou com a educação, só com aumento, repasse, rateio, só com dinhero///

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em outras palavras, podemos identifica-los como professores mercenários.

      Excluir
  3. O Magnaldo pregava em sua campanha que existia dinheiro de sobra, onde esta essa grana?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. esse dinheiro está sendo utilizado para pagar as contas de energia que outro deixou atrasadas quase 90.000,00 água, salários atrasados que estão sendo pagos a todos os servidores e ainda pagando em dias os salários atuais, reforma das escolas, e isso toda comunidade sabe, inclusive os "MERCENÁRIOS" ou simplismente os "PROFESSORES", sem compromisso com a educação.

      Excluir
  4. eu não diria isso, mais td mundo diz o que pensa. mais o certo e prefeito, advogados, funcionários sentarem e acertarem o que estar faltando, agora greve isso e demais, os alunos ja vem perdendo em conhecimento e pelo jeito vão continuar perdendo. pq o prefeito e turrão ele não sede a pressão, gente tente conversar o brejão já e parado e ainda com greve.....

    ResponderExcluir
  5. Só sei que a história se repete, greve, parcelas de salário negociada atrasada, energia dos órgãos públicos cortada, e só são 09 meses de gestão, salários dos "chegados" altíssimos, a família do prefeito com carrões e construindo casas e mais casas, e por ai vai... até onde essa mazela vai?.

    ResponderExcluir