.

.

Curta o rei no Facebook

.

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Vereador Canela pede CPI para apura Contratos suspeitos e reparcelamento de dividas IPSEMA

Logo-IPSEMA-ESSA1

Açailândia - Na manhã da última terça feira (06) Canela participou de reunião na Câmara Municipal solicitada pelo Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público de Açailândia (Sintrasema) para tratar sobre parcelamentos de recursos do IPSEMA, instituição que garante a aposentadoria dos servidores.

A primeira observação feita pelo edil durante sua fala na tribuna da CâmarCanela__a foi que a presidente do IPSEMA assumiu o cargo por sete meses sem ser aprovada pelo parlamento. E segundo o parlamentar cometeu diversos erros. O vereador revelou que um deles foi contratar duas empresas para prestar serviço de assessoria sem que antes houvesse uma aprovação do conselho do IPSEMA.

O parlamentar definiu a atitude da presidente como uma decisão tomada à revelia. Canela disse ainda que as informações não têm sido repassadas a casa como manda a lei. Pela lei do IPSEMA as informações deveriam ser repassadas bimestralmente.

Canela revelou que os recursos do Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) em 31 de dezembro de 2012 estavam aplicados no mercado financeiro em 19.559.022,75 milhões. Quanto à transparência o vereador denunciou que atualmente não há informações do que tem sido aplicado.

“No ano de 2012 quando o ex-gestor enviou para esta casa de leis um projeto de lei que visava parcelar os recursos em 60 vezes diversas pessoas ligadas a atual gestão lotaram o plenário para vaiar e criticar os vereadores. Agora o atual governo quer parcelar em 240 vezes o que ao invés de ser pago em cinco anos agora deverá ser pago em 20 anos” afirmou o vereador.

Ainda sobre o assunto o parlamentar disse que tal decisão tomada pelo atual governo pode prejudicar seriamente a aposentadoria dos servidores e concluiu afirmado que uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) deveria ser instaurada para apurar devidamente o reparcelamento e parcelamento dos débitos do município de Açailândia com o seu RPPS.

0 comentários :

Postar um comentário