.

.

Curta o rei no Facebook

.

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Monstro estuprou, mordeu e introduziu um pedaço de madeira em uma jovem de 19 anos com problemas mentais.

Açailândia - Segundo informações da Polícia Militar, o autor do  crime foi  identificado como Sidney Alves da Silva de 32 anos  image“vulgo Sapa”. Ainda de acordo com as informações, sapo teria aliciado a jovem que tem problemas mentais e conseguiu levá-la até um banho que fica próximo ao bairro.Quando chegaram ao local, sapo começou as agressões contra a jovem que sem entender nada e indefesa, foi presa fácil para o elemento que a estuprou, a mordeu em varias parte de corpo  e não satisfeito ainda colocou um pedaço de madeira na vagina da jovem.

Sidney Alves foi denunciado por um parente da vítima que chamou a polícia. Imediatamente os policiais conseguiram colocar as mãos no acusado. Na delegacia, Sidney Alves disse que a jovem das iniciais L.S.S  transou com o mesmo por que quis. Ele ainda tentou agredir o repórter imageda TV Band no momento em que estava sendo apresentado na delegacia.

Encaminhada ao hospital, as agressões foram confirmadas contra a vítima, já acusado ficou preso. A polícia informou que “Sapo” já tem outras passagens por: Roubo e homicídio dentre outras.

Fonte: Inoticiama.com

.

………………..

1 comentários :

  1. Na última terça-feira (5), o delegado Assis Ramos viajou a São Luís, onde realizou a oitiva dos policiais militares Carlos Henrique Azevedo Sales, o “Sales”; Francisco de Assis Bezerra Soares, o “Tita”, e Luís Cláudio de Araújo, o “Cláudio”. Os três policiais foram transferidos para a capital maranhense por determinação do secretário de Segurança Pública do Estado do Maranhão, Aluísio Mendes.
    Segundo o delegado Assis, que retornou no fim da tarde de ontem, os policiais pouco falaram. “Vamos buscar e reunir mais provas para que seja solicitada à Justiça a prisão preventiva dos acusados”, disse. - See more at: http://oprogressonet.com/noticiario/14848/policia/2013/11/7/foragidos-da-operacao-mercenarios-tem-prisoes-preventivas-solicitadas-justica/#sthash.AG8Fj3Qv.dpuf

    ResponderExcluir