.

.

.

domingo, 23 de novembro de 2014

Moradores do Pequiá (Açailândia do Maranhão) interditam a BR 222 por mais de 5hs

Na última quinta-feira (20) moradores do Distrito do Pequia  a 14km de Açailândia, se reuniram e interditaram a BR-222 por volta das 16hs.

Uma das principais reivindicações da comunidade é à recuperação da Av. João Castelo, que fica as margens da rodovia. Com período chuvoso, a situação da Avenida ficou caótica sem condições de trafegabilidade e com a água invadindo as residências e comércio.

7C8KLOI   Os moradores queriam contar com a presença do secretario de Infraestrutura, Geneton Pires, para que o mesmo explicasse se a alguma obra de recuperação previsto para o local por parte da prefeitura, mas o secretário não pareceu.

Por volta das 20hs e 30min houve uma reunião entre a Polícia Militar (Major Eurico Filho) Polícia Rodoviária Federal (inspetor Edegilson) Centro de Defesa da Vida e Dos Direitos Humanos ( Antônio Filho) igreja católica ( Padre da comunidade e Frei Antônio) representantes da comunidade e vereador Canela.

8d973ee794ab1e4a41dee2173da8f0e2Na reunião ficou decidido, que hoje (21) os representantes da comunidade em companhia do vereador Canela, estariam  indo ao ministério público conversa com Promotores e às 15hs, na Polícia Rodoviária Federal. Da PRF, todos irão à superintendência do DENIT, para cobrar do órgão, solução sobre as condições da BR-222 no Distrito.

Outra reunião será marcada com o secretário de obras, já na próxima semana.

Após a reunião, eles (participantes da reunião) foram até o meio da BR-222 explicar a situação e definições que haviam sido tomadas, e logo após as explicações, os manifestantes liberaram a via.

A “excelência” da infra-estrutura e do saneamento da administração atual do município de Açailândia do Maranhão...

E3KgzYqA manifestação do povo do Pequiá iniciou em meio a uma reunião – o quinto evento de que participo – na busca de  “paliativos” para o “cáos do transporte público”, conforme definido por próprio representante da administração municipal...

Reunião nas Promotorias de Justiça, incessante também nesta verdadeira guerra... Tod@s participantes indignad@s com o descaso e a incompetência da prefeitura...

Prometeu, assim como o Sinprava – o sindicato dos taxistas (hoje o táxi-lotação é “oficialmente” o transporte público coletivo urbano municipal...), respostas “provisoríssimas” para a quarta-feira, 26/11...

Some-se agora o drama do povo do Pequiá com sua Avenida João Castelo, e as centenas de outros, só em relação á infra-estrutura e saneamento – a Rua da Carniça, na Vila Ildemar, por exemplo - e tem-se a dimensão real do desastre – hecatombe – que vive Açailândia do Maranhão...

(Eduardo Hirata)

0 comentários :

Postar um comentário