.

.

Curta o rei no Facebook

.

domingo, 7 de dezembro de 2014

Na Fiema, Flávio Dino anuncia criação do Conselho Empresarial do Maranhão para janeiro

O governador eleito Flávio Dino deu continuidade na noite desta quinta-feira (04) ao diálogo com a classe empresarial. Ao lado de secretários já anunciados, Flávio Dino reforçou sua disposição de instaurar um novo projeto de desenvolvimento no Estado e anunciou a implantação do Conselho Empresarial do Maranhão.

_MG_1370

A ideia é instaurar o Conselho a partir do dia 5 janeiro de 2014 e iniciar um ciclo de diálogo permanente entre a administração estadual e a iniciativa privada. De início, o governador eleito declarou que farão parte do conselho a Associação Comercial do Maranhão (ACM), a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Maranhão (Faema), a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio) e a Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema).

Parabenizando a iniciativa do governador eleito Flávio Dino, o presidente da Fiema, Edilson Baldez, reforçou a esperança na nova administração estadual. “Este será um novo governo, com novas diretrizes e esperanças para o Maranhão. Queremos ajudar a definir os rumos do desenvolvimento do Maranhão. Por isso, ficamos felizes com esse canal de diálogo”, comemorou.

Ampliar a competitividade dos negócios e promover um ambiente saudável de competitividade e desenvolvimento no Maranhão foram algumas das propostas reafirmadas por Flávio Dino. Para ele, é fundamental expandir o mercado interno com a consolidação das atividades econômicas já existentes e criando condições para que novos investimentos cheguem ao Estado.

Acompanhando Flávio Dino, o indicado para comandar a Secretaria de Indústria e Comércio, Simplício Araújo, afirmou que o próximo governo deve extinguir o Código Estadual de Licitação. O anúncio foi muito aplaudido pelos empresários presentes no evento. Simplício informou que o Maranhão deve acompanhar a lei das licitações 8.666, que rege as licitações em todo o país.

Desenvolvimento do Maranhão

A principal pauta discutida entre Flávio Dino e o setor privado girou em torno de como superar os gargalos para o desenvolvimento do Maranhão. Entraves como a falta de logística, deficiências em infraestrutura, ausência de planejamento no atual governo e melhoria das condições do turismo no Maranhão.

Dino levou seus secretários, que falaram das responsabilidades de suas pastas para o desenvolvimento para o Maranhão. Em um modelo de diálogo descontraído, os próximos representantes do poder público e da classe empresarial puderam debater novas formas de unir esforços em nome do desenvolvimento do Maranhão.

Dino afirmou que em seu governo as decisões serão tomadas com transparência e união de esforços para superar os entraves deixados pelo modelo coronelista que finda no Maranhão.

Entre as prioridades voltadas ao setor privado, Dino elencou a transparência e agilidade no licenciamento ambiental. “É preciso ter regras claras, ter método e que todos conheçam os trâmites da Secretaria. Vamos fazer um mutirão para destravar os entraves burocráticos ” afirmou.

Ao lado desta prioridade, Dino apontou dar solução para o Zoneamento Econômico-Ecológico com agilidade e utilizar o Porto do Itaqui como um verdadeiro vetor de desenvolvimento para todo o Maranhão, não apenas para poucos.

0 comentários :

Postar um comentário