.

.

Curta o rei no Facebook

.

segunda-feira, 29 de junho de 2015

Caixa Econômica se nega a efetuar pagamento de servidores mesmo com dinheiro já em conta

Diz o conhecido bordão do Deputado Federal Tiririca, “pior do que está não fica”, mas parece que a coisa pode sim piorar em Açailândia.

caixa-lotada-ESSA

Segundo informações obtidas com exclusividade pelo blog do Antônio Marcos, o pagamento dos servidores municipais que já havia sido autorizado pelo prefeito Juscelino Oliveira, simplesmente se encontra retido na agência da Caixa Econômica Federal de Açailândia a mando da “virtual prefeita” Gleide Lima Santos.

A gerência da unidade bancária, de forma irresponsável, com o intuito exclusivo de cumprir caprichos políticos, ignora o fato de que o pagamento “objeto de toda confusão” foi autorizado pelo prefeito do município em pleno gozo de seus direitos políticos e administrativos.

É importante salientar que Juscelino Oliveira fica de “mãos atadas” diante de tal situação, pois sua responsabilidade se encerrou com a autorização do pagamento enviada à instituição financeira.

Em meio a essa “queda de braços”, os servidores são os maiores prejudicados, mesmo sem ter nada a ver com a crise política instaurada no município. Diante desse quadro surgem algumas perguntas:

Qual a razão da Caixa Econômica Federal, de forma arbitrária, se negar a pagar os servidores municipais?

0 comentários :

Postar um comentário