.

.

.

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Açailândia: MP abre investigação criminal contra siderúrgica Gusa Nordeste

Siderúrgica Gusa Nordeste S/A.

O Ministério Público do Maranhão por meio da 3ª Promotoria de Justiça Especializada de Açailândia, abriu no último dia 7 de Fevereiro, Procedimento Investigatório Criminal – PIC, contra a siderúrgica Gusa Nordeste S/A, localizada no município.
O procedimento foi aberto após representação da Associação Comunitária dos Moradores do Piquiá – ACMP, noticiando a ocorrência de crimes ambientais decorrente do derramamento de lama com rejeitos da produção do ferro gusa.
Ainda segundo a representação, o material despejado de maneira irregular é altamente danoso ao meio ambiente por conter óxidos de alumínio, cálcio, magnésio, manganês, e silício.
O MP busca agora promover ampla apuração das denuncias para comprovação dos fatos, ou, caso não comprovado, promover arquivados dos autos.
Entre as primeiras medidas adotadas, a promotoria determina que a Secretaria Municipal de Meio Ambiente realizem vistorias no local com elaboração de laudo circunstanciado, e perícia ambiental pelo Instituto de Criminalística e Medicina Legal – ICRIM.

0 comentários :

Postar um comentário