.

.

.

segunda-feira, 17 de setembro de 2018

AÇAILÂNDIA - Pedalada pela prevenção às drogas reuniu grande presença de público

Pedalada Foto 1


No último sábado, 15, o Ministério Público do Maranhão realizou a II Pedalada na Prevenção às Drogas em Açailândia, que foi coordenada pelos promotores de justiça Gleudson Malheiros e Sandra Fagundes Garcia, titulares da 4ª e 6ª Promotoria de Justiça de Açailândia, respectivamente. A ação, que faz parte do projeto "Quem escolhe o seu caminho: você ou as drogas", registrou a participação de mais 900 inscritos e contou com a presença do procurador-geral de justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho, que esteve na cidade especialmente para participar do evento.

No ato da inscrição, cada participante doou 2 kg de alimentos não perecíveis, gerando uma arrecadação de quase duas toneladas. Em princípio, as instituições a receberem os alimentos doados serão a Comunidade Terapêutica Bom Samaritano e a Comunidade Filhos da Luz, que tratam de dependentes químicos. No entanto, como o número de inscrições superou as expectativas, a promotora de justiça Sandra Fagundes acredita que os alimentos possam ser doados a outras instituições.

Com largada às 16h, em frente ao Fórum de Açailândia, o percurso de 8km teve a chegada na Praça da Bíblia, às margens da BR, com o oferecimento de apoio médico e pontos de hidratação. Ao final da pedalada, houve aula de zumba, distribuição de lanches e sorteio de brindes.

Para o procurador-geral de justiça, a pedalada de Açailândia é um diferencial que vai além da campanha nas escolas. Ele considera um momento de consagração da campanha realizada pelo Ministério Público de prevenção às drogas, lançada em mais de 90 municípios do Estado. “Nós estamos mostrando que o esporte é o caminho a ser trilhado. Um trabalho de prevenção e de reflexão para que as famílias, os jovens não entrem no caminho das drogas, que só leva à infelicidade e à frustração de sonhos e de vidas”, enfatizou Luiz Gonzaga Martins Coelho.

O diretor da Secretaria para Assuntos Institucionais da PGJ, Marco Antonio Amorim, parabenizou todos os organizadores e parceiros pela atividade. “Acho uma grande iniciativa das Promotorias de Justiça de Açailândia em que tantos jovens participam. Porque nós sabemos que a droga é algo que, uma vez que se ingressa, é muito difícil sair. Estão todos de parabéns”, ressaltou.

A coordenadora da campanha na Região Sul do Estado, Sandra Fagundes, considerou o evento um sucesso, já que as inscrições realizadas foram o triplo do esperado. “Ano passado foram realizadas 300 inscrições, este ano foram mais de 900. Muita gente colaborou. Já virou tradição. Ano que vem tem mais, porque vale a pena mandar a mensagem, e porque nós acreditamos que com a prática do esporte, a criança e o adolescente ficam longe das drogas”, reafirma a promotora Sandra Fagundes.

Para o promotor de justiça e também coordenador da pedalada, Gleudson Malheiros, o mais importante de um evento como este é a mobilização, o envolvimento das pessoas em um momento que concilia esporte, saúde e a prevenção às drogas. “Nos alegra ver a grande aceitação do público, a participação de vários jovens, de famílias. Muitos vieram nos agradecer ao final pela realização da pedalada. Tudo isso aproxima o Ministério Público das pessoas”, avaliou.

O advogado Leandro Chaves agradece ao MPMA por ter assumido o projeto. “Nós sabemos que não só o ciclismo, mas todo e qualquer esporte ajuda na prevenção às drogas. Porque o esporte é saúde, o esporte faz com que as pessoas não fiquem ociosas, a ponto de não usarem drogas ou até mesmo praticarem crimes”, ressaltou.

Morador do Jardim Glória II, Arthur, que faz o 7º ano no Colégio Sara Kubistchek, ganhou uma bicicleta, o prêmio mais cobiçado dentre os sorteados. Ele revela que já havia pedido uma bicicleta nova para a mãe, porque a que possuía já está pequena. “Eu não esperava ganhar uma bicicleta hoje. Que bom que eu vim participar da campanha e de quebra fui sorteado”, revelou.

PROJETO

O projeto "Quem escolhe o seu caminho: você ou as drogas" é desenvolvido, desde 2013, em escolas públicas das redes municipal e estadual de ensino, em municípios do Maranhão e tem por objetivo prevenir o consumo de drogas, por meio de palestras e atividades artísticas (concursos de poesia e desenho), entre outras ações.

0 comentários :

Postar um comentário