.

.

.

terça-feira, 2 de julho de 2019



O 24º Batalhão de Infantaria de Selva (24º BIS) desencadeou a 2ª Operação Vulcão 2019, no período de 17 a 19 de junho, com a finalidade de destruir 970 armas de fogo e 395 armas brancas.
A missão foi realizada pela Seção de Fiscalização de Produtos Controlados da Unidade, em cumprimento ao previsto no Art. 25, da Lei Nº 10.826, de 22 de dezembro de 2003 (Estatuto do Desarmamento), que estabelece essa incumbência ao Exército Brasileiro.
Cabe destacar que, no Maranhão, a atividade vem sendo desenvolvida em parceria com o Tribunal de Justiça do Estado e com o apoio da Siderúrgica Viena, localizada no Distrito do Pequiá, no município de Açailândia, a cerca de 650 km da guarnição de São Luís.

Ressalta-se, ainda, que, nessa Operação, o 24º BIS apoiou a Polícia Militar do Maranhão, possibilitando que a instituição também destruísse 89 armas de fogo inservíveis.


Essa nobre e importante missão cumprida pelo ”Batalhão Barão de Caxias” vai ao encontro dos objetivos do Conselho Nacional de Justiça, bem como se alinha às determinações preconizadas no acordo de cooperação técnica firmado por aquele órgão com o Exército Brasileiro desde o dia 21 de novembro de 2017.

0 comentários :

Postar um comentário